Biblioteca Pública Municipal de São Bernardo do Campo

Os três ratos cegos e outras historias / (Registro n. 258)

000 -LÍDER
campo de controle com tamanho pré-definido 02554cam a2200253 a 4500
001 - NÚMERO DO CONTROLE
campo de controle 393
003 - IDENTIFICADOR DO NÚMERO DO CONTROLE
campo de controle brsbdbp
005 - DATA E HORA DA ÚLTIMA INTERVENÇÃO
campo de controle 20200831134235.0
007 - CAMPOS FIXOS DE DESCRIÇÃO FÍSICA - INFORMAÇÃO GERAL
campo de controle com tamanho pré-definido ta
008 - CAMPOS FÍSICOS DE DADOS - INFORMAÇÕES GERAIS
campo de controle com tamanho pré-definido 120403s19791964bl|||||gr|||| 000 f por d
040 ## - FONTE DA CATALOGAÇÃO
Agência de catalogação original brsbdbp
Idioma da catalogação por
082 04 - CDD - CLASSIFICAÇÃO DECIMAL DE DEWEY
Número da edição 19
Número de classificação 823.0872
Número do item C479tc
100 1# - ENTRADA PRINCIPAL - NOME PESSOAL
Nome pessoal Christie, Agatha,
Datas associadas ao nome 1891-1976.
Termo de relação Autor
9 (RLIN) 182
245 13 - TÍTULO
Título principal Os três ratos cegos e outras historias /
Indicação de responsabilidade Agatha Christie ; tradução de Regina Saboya de Santa Cruz Abreu.
260 ## - IMPRENTA
Local de publicação, distribuição, etc. Rio de Janeiro :
Editora, distribuidor, etc Nova Fronteira,
Data de publicação, distribuição, etc. c1948.
300 ## - DESCRIÇÃO FÍSICA
Extensão 224 p. ;
Dimensões 21 cm.
490 0# - INDICAÇÃO DE SÉRIE
Título da série (Agatha Christie)
9 (RLIN) 497
505 ## - NOTA DE CONTEÚDO
Nota de conteúdo Conteúdo: Os três ratos cegos. -- O crime da fita métrica. -- Os detetives do amor. -- Testemunha de acusação. -- O mistério do vaso azul.
520 ## - SUMÁRIO, ETC.
Sumário, etc Nos nove contos reunidos neste livro, Agatha Christie dá as pistas de por que ela fascina gerações de leitores ao redor de todo o mundo. Publicado pela primeira vez em 1950, o livro é uma preciosa amostra do estilo da autora, com sua precisa caracterização das personagens, indícios sendo displicentemente deixados para que o leitor se confunda e a presença marcante de seus mais queridos protagonistas: o excêntrico detetive belga Hercule Poirot e a simpática velhota miss Jane Marple. No conto que dá título ao livro, Agatha usa o mesmo recurso que em E não sobrou nenhum e Os cinco porquinhos: é uma cantiga popular infantil que dará as pistas e apontará os próximos passos, instaurando o clima soturno na trama. Aqui, o ambiente dramático é tão bem fundamentado que foi a partir desta história que ela escreveu A ratoeira, a peça que bateu o recorde de mais tempo em cartaz, ainda hoje sendo encenada em Londres. O conjunto das histórias pode ser lido como uma espécie de mostruário das diversas facetas com as quais Agatha consegue trabalhar. Se em “Uma estranha charada” a resolução do enigma pode levar a uma misteriosa fortuna, em “Os detetives amorosos” vemos um caso de paixão arrebatadora. O leitor que se embrenhar nestas histórias certamente será envolvido pelo delicioso emaranhado que a Rainha do Crime tece. Suas tramas são feitas de um verdadeiro catálogo das paixões humanas: coragem, mesquinharia, desejo, cobiça, curiosidade, ímpeto. Está tudo ali, amarrado e desenvolvido com uma saborosíssima mistura de entretenimento e inteligência.
Atribuindo a fonte Fonte pesquisada: www.amazon.com.br
650 04 - ASSUNTO - TERMO TÓPICO
9 (RLIN) 379
Termo tópico ou nome geográfico Ficção policial
9 (RLIN) 186
Termo tópico ou nome geográfico Romance inglês
700 1# - ENTRADA SECUNDÁRIA - NOME PESSOAL
Nome pessoal Abreu, Regina Saboya de Santa Cruz.
Termo relacionador Tradutor
9 (RLIN) 380
942 ## - ELEMENTOS ADICIONAIS DO REGISTRO (KOHA)
Tipo de item (Koha) Livro e folheto

Powered by Koha